Defender não é crime - Muricy Ramalho
 DESORGANIZADA AVACOELHADA
 FÓRUM DA AVACOELHADA AMÉRICA MG
 ADMINISTRAÇÃO ESPORTIVA
 Defender não é crime - Muricy Ramalho
  Registrar   Ajuda   Login

Tópico AnteriorTópico Anterior - Próximo TópicoPróximo Tópico
Tópico com 1672 visitas e 3 mensagens
Autor
Tópico: Defender não é crime - Muricy Ramalho
Marco Antônio
Usuário Nivel 5

Postagens: 40768
Registro: 06/05/2002
Local: Belo Horizonte - MG - BrasilSexo Masculino
 Postado em 13/09/2007 12:49:00 PM

DEFENDER NÃO É CRIME
postado por Paulo Vinícius Coelho

A frase de Muricy Ramalho abre a prancheta do PVC de hoje. Foi fruto de uma conversa entre este colunista e o técnico do São Paulo. Conversa em que ele reclama das críticas a seu time, pelo excessivo número de faltas -- pelos dados do Footstats, o São Paulo é o quarto mais faltoso -- e pelo defensivismo. A íntegra da conversa segue abaixo:

PVC - Muricy, você acha que o São Paulo de hoje representa uma tendência do futebol brasileiro?
MURICY - Não acho tendência, não. Acho que está acontecendo que nossa parte tática é muito forte. Que nosso time consegue se defender de maneira muito boa. Mas não acho que seja tendência do futebol brasileiro, não.

PVC - E como você avalia as críticas sobre o defensivismo excessivo?
MURICY - Eu não entendo! Agora parece que esse negócio de não levar gol vai virar contra a gente. Defender não é crime! A gente não sofre gol porque o time funciona muito bem, cada um conhece seu papel.

PVC - O que aconteceu em São Januário foi acertar o time no segundo tempo?
MURICY - No primeiro tempo, jogamos mal. Todo mundo disse isso. Aí, acertamos a marcação. O segundo tempo, começamos a sair para o jogo.
O pessoal não entende, porque vê pouco futebol. O Vasco pegava a bola e não conseguia entrar. Não conseguia porque nosso time está marcando muito certinho. O time deles tenta entrar, gira para um lado, o nosso time gira inteiro junto. Gira para o outro lado, o time volta todo junto.

PVC - Falta ainda um armador, um substituto do Danilo, para ocupar o lugar que hoje é do Leandro?
MURICY - É que hoje a gente tem, muitas vezes, o Leandro quase como terceiro atacante. Foi o problema do primeiro tempo contra o Vasco. Falei para ele, no vestiário, preencher um pouco mais o meio-de-campo. Quando ele passou a preencher o meio, marcando os volantes, a marcação acertou e o futebol também


IP LogadoPróxima Mensagem
Marco Antônio
Usuário Nivel 5

Postagens: 40768
Registro: 06/05/2002
Local: Belo Horizonte - MG - BrasilSexo Masculino
 Postado em 19/10/2007 10:26:00 AM

O NOVO SÃO PAULO

São duas linhas de quatro homens ou, muitas vezes, com um volante entre essas duas linhas. Quer dizer, vira um 4-1-4-1.
Assim, Muricy Ramalho monta o novo São Paulo, fugindo do tradicional sistema com três zagueiros. Em alguns momentos, falta gente no meio-de-campo para congestioná-lo, retomar a bola e sair para jogar. Em outros, a defesa fica mais consistente. O São Paulo varia de jogo a jogo, o que torna mais difícil a percepção do adversário.




IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Marco Antônio
Usuário Nivel 5

Postagens: 40768
Registro: 06/05/2002
Local: Belo Horizonte - MG - BrasilSexo Masculino
 Postado em 09/05/2008 2:04:00 PM

Muricy classifica Sampa como 'time briguento'
Treinador lembra que time meigo não costuma se dar bem na Libertadores

Adriano, na comemoração do gol contra o Luqueño (PAR)
Alexandre Lozetti
SÃO PAULO

Entre em contato Sergio Gandolphi
SÃO PAULO

Entre em contato

O primeiro mata-mata entre times brasileiros na Libertadores-2008 vai colocar frente a frente equipes com o mesmo apelido, mas com estilos de jogo bem diferentes. No Tricolor paulista, tricampeão do torneio, a principal característica é a força, com descidas rápidas ao ataque e inúmeras bolas levantadas na área visando a cabeça do Imperador Adriano. Já seu adversário apresenta um futebol técnico, ancorado na habilidade de Thiago Neves e do argentino Darío Conca.

Qual é o melhor? A resposta só após os dois jogos, o primeiro no Morumbi, na próxima quarta, e o segundo no Maracanã, dia 21. Muricy Ramalho, cauteloso, não disse que o São Paulo é o favorito. Mas classificou seu time como “briguento” e “mais competitivo”.

– O Fluminense tem uma boa defesa e bons jogadores de frente. O time deles é muito técnico, mas o nosso é mais competitivo e mais briguento. É um time que se preparou para a Libertadores, contratou bastante e tecnicamente bem superior ao Nacional (URU) – analisou.

Formar uma equipe baseada na força fez parte do planejamento da diretoria desde o ano passado. Na concepção do presidente Juvenal Juvêncio e do técnico Muricy Ramalho, jogadores fracos fisicamente não agüentam a pegada da principal competição sul-americana.

O atacante Adriano é o símbolo deste São Paulo briguento. Dificilmente o jogador perde uma jogada de corpo com os marcadores. Pelo alto, ganha a maioria das jogadas. Muitas vezes, o jogador fica isolado na frente ao lado de Borges. Incômodo para Muricy? Nem um pouco. O técnico nem liga quando é questionado sobre o fato de tantos jogadores priorizarem a marcação na saída de bola do seu adversário.

– Falavam do quarteto na Seleção e voltamos para casa mais cedo da Copa. Todo mundo diz que é ótimo ter vários jogadores na frente. O adversário adora. Nossa torcida sempre vai ver um time muito esforçado. Time meigo não chega longe na Libertadores – garantiu ele.



IP LogadoMensagem Anterior
 Todos os horários são de Brasília (GMT -03:00)
 Nova Mensagem desde a sua Última Visita.
[***] Palavra proibida pelo moderador do Grupo de Discussão

Tópico AnteriorTópico Anterior - Próximo TópicoPróximo Tópico

Volta para o Topo da Página



Forum Now! - Criar seu forum grátis