Prepotencia e Rivalidade
 PROGRAMA NOS CAMINHOS DE NZAMBI
 NOS CAMINHOS DE NZAMBI
 Os Rituais da Umbanda
 Prepotencia e Rivalidade
  Registrar   Ajuda   Login

Tópico AnteriorTópico Anterior - Próximo TópicoPróximo Tópico
Tópico com 952 visitas e 23 mensagens
Autor
Tópico: Prepotencia e Rivalidade
Makota Lembanilé
Membro Junior

Postagens: 74
Registro: 21/03/2005
Local: RIO DE JANEIRO - RJ - Brasil
Idade: 41 anosSexo Feminino
 Postado em 29/07/2005 9:42:00 PM

Nzambi, mukuiú...

É verdade... e como os mais novos interferem no que julgávamos sabido...

Mas também sabemos que nem sempre os mais velhos nos ouvem... ainda existe uma barreira a ser transposta...e com o tempo chegaremos a um denominador comum....



IP LogadoPágina AnteriorPróxima Mensagem
Kalunga
Membro Junior

Postagens: 56
Registro: 02/08/2005
Local: Santos - SP - Brasil
Idade: 51 anosSexo Feminino
 Postado em 03/08/2005 2:13:00 AM

Mimenekenu kiami jipange

Prezado Tata Jambonan, estou aproveitando meu tempo livre

Para mim, o senhor não disse nada demais, apenas expressou a verdade.
Infelizmente, prepotência e rivalidade neste caso, são irmãs com várias faces mascaradas, não enxerga quem realmente as usam.
Ter um cargo, ter tempo de iniciação, pertencer a família X ou Y, não deveria ser sinal de arrogância e nem da vaidade, faces da prepotência, e nem deveriam sugerir diferenças, uma das faces da rivalidade, mas a carroagem todos sabemos como é dirigida né?!
Eu sinceramente não vejo o que determinadas pessoas ganham com isso tudo, mas sei bem o que esse tipo de atitude faz, senão denigre o todo, mutila a real necessidade de se ter uma religião e seguir seus mandamentos, abala a fé, para simplificar o entendimento de todos, DESANIMA e muito, pois quem é mesmo, estão em suas jinzo, quietinhas/os fazendo caridade.
Mas existem conceitos para esse comportamento tão pequeno, o meu como disse acima é simples.
Então eu pergunto:
Porque alguém tem de provar para alguém conhecimento sobre a religião? Porque tantos insistem em medir forças? Porque as pessoas simplismente não cultuam os jinkisi/mankisi, bastando perguntar aos mesmo o que fazer, ou fazer como fomos ensinados? Teriam esses indivíduos, o mesmo interesse que me foi dispertado para continuar até hoje a pertencer a mesma religião?
Bom, hoje eu tenho a resposta de todas as formas, seja escrita, falada, pensada e praticada, e ela é simples, em virtude desse tal "Candomblé", ter se tornado uma ponte para os emergentes desnecessários, doa a quem doer, eu permanecerei na minha insignificância (para muitos), prefiro continuar como sou, trocando idéias, respeitando a todos, sem distinção, e fazendo algo de útil para a nossa comunidade, e até para essas criaturas, vamos fazer a nossa parte e ignorar o que não é bom, assim não nos violentamos, essa foi a educação que minha mãe me passou, senão podemos ajudar, atrapalhar pra que?

jindandu

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Tata Jambonan
Membro Junior

Postagens: 78
Registro: 12/07/2005
Local: Belford-Roxo - RJ - Brasil
Idade: 53 anosSexo não informado
 Postado em 03/08/2005 11:16:00 AM

Mukuiu a todos.

Cada vez mais me alegro, saber que a nossa religião cresce em qualidades, todos aqui fazem parte da grande transformação que estar por vir, um novo conceito do que é verdadeiramente o culto.



Lami mujitu e kioso, Jambonan.
(Meus respeitos a todos, Jambonan)

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Kalunga
Membro Junior

Postagens: 56
Registro: 02/08/2005
Local: Santos - SP - Brasil
Idade: 51 anosSexo Feminino
 Postado em 07/08/2005 4:02:00 PM

Mimenekenu kiami jipange

Tata Jambonan
Não me contive às suas últimas palavras, mas será que não falta diálogo?
Porque para mim, é muito não como resposta: não pode, não se deve, não é assim, acho que chegando até a resposta por outras vias, no sentido de: não interessa..
Há pouca informação individual, por exemplo, a palavra FUNDAMENTO, ela é um tabú enorme, muitos seguidores, incluindo-se principalmente as zeladorias, não repassam os segredos de cada iniciado, e devido a isso, os mesmo buscam em vários lugares as respostas, até chegando ao cúmulo da comparação de modo geral.
Entendo também, que nada pode ser igual, como assim é uma inzo da outra, devido a esse por menor, digo por menor, porque se todos recebessem o que lhe pertence, que são os segredos repassados por seus jinkisi, não haveria tanta especulação, teríamos mais conteúdo.
Não seria a falta de informações, a causadora de tantas diferenças, até entre os seguidores das minhas jinzo, e por consequência, a "má formação das zeladorias"?

O que o senhor e os demais acham sobre isso? Existe mesmo a retenção absurda da informação?

Desculpe qualquer coisa, caso tenha desviado o assunto.
jindandu

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Makota Lembanilé
Membro Junior

Postagens: 74
Registro: 21/03/2005
Local: RIO DE JANEIRO - RJ - Brasil
Idade: 41 anosSexo Feminino
 Postado em 07/08/2005 10:31:00 PM

Mana Kalunga

De forma alguma você desviou o assunto, afinal, falamos ainda de prepotencia e rivaldiade......

Concordo quando diz sobre a retenção dos segredos de cada iniciado. Mas fico travada numa pergunta: será que essa retenção se dá pelo fato do zelador ter um certo "medo" de que o seu iniciado tenha nas mãos todos os mistérios que o envolve? Pois assim, ele se tornaria "senhor de si", isto é, estaria consciente da sua situação espiritual.... se não tivesse a certeza ao menos teria uma noção de como lidar com seu nkise....

Por outro lado, essa reteção também poderia ser entendida como um "não sei lhe explicar" ou "não sei sobre isso e tenho que pesquisar" ou, simplesmente, "não sei"...

Acho que como muitos, eu também já ouvi bastante as frases "não é pra saber agora!" e "no tempo certo vc vai saber".. isso é absurdo! Se pergunto é porque preciso das respostas. Particularmente, não pergunto nada aleatório, pergunto para ter conteúdo e para conhecer a religião que sou adepta.

Talvez por não obterem respostas, muitos passam a seguir outras religiões e voltam-se contra a nossa, justamente por encontrarem respostas antes negadas....

Você, mana, disse tudo.... se todos darem seu "cadin" ... teremos um amadurecimento real e mútuo....

Graças a Nzambi, lá no Abassá não temos esse problema de retenção... salvo quando meu Tata percebe os "catadeiros".

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Tata Jambonan
Membro Junior

Postagens: 78
Registro: 12/07/2005
Local: Belford-Roxo - RJ - Brasil
Idade: 53 anosSexo não informado
 Postado em 07/08/2005 11:09:00 PM

Mukuiu a todos.

Não seria a falta de informações, a causadora de tantas diferenças, até entre os seguidores das minhas jinzo, e por consequência, a "má formação das zeladorias"?

MAMA KALUNGA, Srª. esta coberta de razão, acredito na má formação de zeladores, e a falta de acompanhamento durante o periodo pós Inzo aberta.

(A aguia mãe, não corta as asas de seu filhote, orienta o seu voô)


Lami mujitu e kioso, Jambonan.

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Kalunga
Membro Junior

Postagens: 56
Registro: 02/08/2005
Local: Santos - SP - Brasil
Idade: 51 anosSexo Feminino
 Postado em 08/08/2005 2:53:00 PM

Mimenekenu kiami jipange

Nossa, agora que percebi o erro ...
Onde se lê ... minhas é mesmas.

Não seria a falta de informações, a causadora de tantas diferenças, até entre os seguidores das mesmas jinzo, e por consequência, a "má formação das zeladorias"?


jindandu



IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Tata Jambonan
Membro Junior

Postagens: 78
Registro: 12/07/2005
Local: Belford-Roxo - RJ - Brasil
Idade: 53 anosSexo não informado
 Postado em 08/08/2005 6:59:00 PM

rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs, Mukuiu a todos,

Mama, todos nós somos pasiveis de erros, ainda mais na net, no teclado fica mais facil por causa da correria, e vontade de postar logo.

Lami mujitu e kioso, Jambonan.

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Dandarê
Membro Pleno

Postagens: 210
Registro: 19/07/2005
Local: Salvador -Bahia - BA - BrasilSexo Feminino
 Postado em 10/09/2005 1:28:00 PM

Mimenekenu jipangi

Sabe gente, eu li todas as postagens com muita atenção e concordo com tudo que foi dito até aqui... pensei muito sobre uma questão que sempre me vem a cabeça quando falamos sobre o "jeito de ser" de nossos zeladores, especialmente no que se refere a questão do bem tratar nas relações interpessoais de pai x filho.

Eu lembro muito bem das historias que meu pai me conta dos nossos "mais velhos": é sempre "havaiana de pau" na cabeça dos "muleques"... a disciplina era mantida debaixo do lema: pai é martelo e filho é prego... e haja cipó caboco, beliscão durante a roda de jamberessu, quartinha virada pra filho faltoso tomar o caminho do Terreiro, e por aí vai...

Ainda estamos convivendo com muitos Zeladores que foram "criados" assim. Ora, casa de pai, escola de filho!!!!

Hoje a coisa mudou.... para melhor graças a Zambi! Se um pai carnal bater num filho a vizinhança logo disca 08000 e a policia chega... - quanto mais se algum Pai de Santo tentar imitar os "mais velhos". De qualquer maneira, acho que só nos resta aguardar que a turma "mais qualificada na educação" seja a maioria...

Por enquanto só nos resta fazer a nossa parte.

Jindandu
Dandarê

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Mensagem
Dandarê
Membro Pleno

Postagens: 210
Registro: 19/07/2005
Local: Salvador -Bahia - BA - BrasilSexo Feminino
 Postado em 15/09/2005 11:38:00 AM

Mimenekenu Jipangi

Abordamos até aqui, mais a questão da prepotencia, poderíamos agora abordar a questão da rivalidade, também proposta no tópico, ok?

Gente, eu sempre me deparo com Zeladores, Kotas, Tatas, Makotas que agem como se o outro fosse um rival e não um irmão. Há sempre uma censura velada no olhar, nos gestos e muuuuitas vezes as palavras escapam mesmo, para dizerem: viu alí? - o filho não sabe sequer dar um adubá.... viu alí? - o pano da costa está amarrado como se fosse Yaô e não Muzenza... viu alí? - o cabôco não sabe dançar, empurra todos os demais... viu alí? o Pai de Santo está parecendo um pavão, todo enfeitado... e o chaló é de saltinho e ele dança valsando...

GENTE!!!! nos candomblés é o que se vê... e depois os mesmos comentaristas dizem: eu hein! não me cabe dizer nada... tambem tenho meus defeitos, EU NÃO GOSTO DE FUXICO... - Por que falou então?

Outra questão que denota rivalidade são os "caçadores de filhos de santo" dos outros. Os Zeladores são amigos, frequentam a casa um do outro e fica "seduzindo" os filhos de santo do amigo???? como participa do convivio do outro, sabe das desavenças que acontecem e aí... vamos jogar lenha na fogueira, até tomar o filho.

Por conta disso eu agora "estou de plantão". Já "enquadrei" várias pessoas e se me dão um tempinho, passo-lhes um sermão!!!

Quando será que vamos falar dessas coisas como se fosse "passado distante"?

Fiquem em Paz

Dandarê

IP LogadoMensagem AnteriorPróxima Página
 Todos os horários são de Brasília (GMT -03:00)
 Nova Mensagem desde a sua Última Visita.
[***] Palavra proibida pelo moderador do Grupo de Discussão
Páginas: 1 2 3
Tópico AnteriorTópico Anterior - Próximo TópicoPróximo Tópico

Volta para o Topo da Página



Forum Now! - Criar seu forum grátis